Dignidade da Vida

“No desejo de varrer
As trevas de minh’alma
A grande árvore, eu procuro
Que nunca se abalou
Na fúria da tempestade.”
(Frag. do poema “Ó Viajante”, de Daisaku Ikeda)

Cena 1: É madrugada ainda e dezenas de jovens – rapazes e moças – já estão em alvoroço preparando o local para mais uma atividade. Organização, limpeza, arrumação são palavras de ordem para estas pessoas que não medem esforços para tornar o ambiente o melhor e o mais acolhedor possível aos que estão a chegar.

Cena 2: A chuva cai torrencialmente, mas os abnegados entregadores de jornal mantém o sorriso e os passos largos pois sabem o quanto aqueles impressos significam para os aqueles que os aguardam.

Cena 3: Nos rostos a glória de poder oferecer sua arte àqueles que a apreciam. São pessoas de todas as idades cantando e encantando um público que reconhece seu esforço e se regozijam com seu talento. Homens, mulheres, jovens e idosos em uníssono, cantam a alegria de estarem vivos e cientes de suas missões de propagadores da dignidade da vida em todos os sentidos.

À cada cena acima descrita, poderiam se acrescidas muitas outras mais. Dezenas, centenas mais. Quiçá, milhares. E todas têm em comum a essência da filosofia da BSGI: a valorização da dignidade da vida. Cada ser é único, com capacidades e intelecto ímpares. Potencializar o máximo desses talentos é o objetivo maior desta organização. Descobrir, desenvolver e lapidar valores humanos são os objetivos intrínsecos a cada encontro. Se a humanidade busca um futuro promissor deve, em primeiro lugar, preservar com dignidade, cada vida humana. E este futuro não é algo assim tão distante, é algo que se vive, no dia a dia, com perseverança e determinação. São sonhos possíveis!

Afinal, como o grande Luther King um dia vislumbrou:

Eu tenho um sonho que um dia esta nação se levantará e viverá o verdadeiro significado de sua crença – nós celebraremos estas verdades e elas serão claras para todos, que os homens são criados iguais.

Eu tenho um sonho que um dia (..)meninos negros e meninas negras poderão unir as mãos com meninos brancos e meninas brancas como irmãs e irmãos. Eu tenho um sonho hoje!

A filosofia kantiana[1] mostra que o homem como ser racional existe como fim em si, não simplesmente como meio. Isso porque estes possuem a razão que lhes confere a noção de valor. Enquanto isso, os seres irracionais têm valor relativo e condicionado (como meios), daí serem chamados de coisa, diferentemente dos homens, chamados de pessoas, “porque sua natureza já os designa como fim em si, ou seja, como algo que não pode ser empregado simplesmente como meio e conseqüentemente limita na mesma proporção o nosso arbítrio, por ser um objeto de respeito”.

Ao se colocarem assim os conceitos, é fácil perceber que a dignidade é atributo intrínseco da essência humana, único ser que compreende o valor de sua natureza e a dos demais. É dessa forma que o conceito de dignidade se mimetiza com a própria natureza do ser humano.

Mas o que estes conceitos têm em comum com as cenas descritas no início deste texto? Cada cena descreve um grupo de pessoas que encontrou em suas ações, a finalidade mais digna da existência: agir em prol de outras pessoas.

A partir desse princípio é que surgem todos os outros e é nele também que se resume o conceito de dignidade da vida. Quando uma vida humana se dedica abnegadamente a outra, o círculo se fecha e uma fonte de ilimitada sinergia é partilhada por todos, reverberando pelo seu entorno e assim sucessivamente.

[1] Immanuel Kant (Königsberg, 1724-1804) foi um filósofo prussiano. Considerado o último grande filósofo dos princípios da era moderna.

Voltar para o topo
Sede Central da BSGI
Rua Tamandaré, 1007
Liberdade - São Paulo - SP
Brasil
CEP: 01525-001
Telefone
+55 11 3274-1800

Informações
informacoes@bsgi.org.br

Relações Públicas
rp@bsgi.org.br
Informações Gerais
Contatos
Newsletter

Redes Sociais
Facebook
YouTube
Instagram
Twitter
Sites Relacionados
Soka Gakkai Internacional
Daisaku Ikeda
Josei Toda
Tsunesaburo Makiguchi
Cultura de Paz
Editora Brasil Seikyo
CEPEAM
SGI Quarterly
Escola Soka do Brasil
Extranet BSGI